Descoberta arqueológica confirma doutrinas e tradições católicas


Escavações arqueológicas realizadas na cidade de Megido, em Israel,  revelam as ruínas de uma igreja que pode ter sido uma das primeiras da história. Segundo a perita  em inscrições antigas, Leah di Segni (Universidade Hebraica de Jerusalém), “as letras, os nomes e a forma [dos mosaicos lá encontrados] apontam para antes de Constantino”. Diz ainda que a cerâmica encontrada – potes de cozinha, jarras de vinho – é “do fim do período romano”, tal como os motivos desenhados. “A decoração é romana, não bizantina. E não temos nenhuma cruz no chão, temos peixes.” (Leia mais em Cultura e arqueologia )

Os fascinantes achados do interior do templo jogam por terra as alegações protestantes contra notórias doutrinas e praticas católicas:

1- Batismo infantil por aspersão

[…]Durante os primeiros trabalhos para a construção de mais um setor da cadeia foi achado junto do local um mikveh, ou seja pia batismal. Juntamente com ele as bases de uma grande construção e também mosaicos de grandes proporções com inscrições em grego.  Leia mais em Cafe Torah

Essa descoberta revela-nos que, de fato o batismo por aspersão já era uma prática existente entre os cristãos primitivos. Fica também confirmado que o pedo-batismo, ou o batismo infantil, era uma doutrina e prática da Igreja dos tempos apostólicos, e não introdução de Constantino como afirmam alguns protestantes.
[…]Na terceira e mais importante inscrição lemos “Ao Deus Yeshua ( Deus Jesus) em sua Memória”.

2- A Divindade de Cristo

Portanto, fica confirmado que o reconhecimento da natureza divina de Cristo não foi adulteração posterior da doutrina cristã promovida pela Igreja Católica, como afirmam os testemunhas-de-jeová, e sim que esse reconhecimento constituía a crença dos cristãos primitivos.

3- Iconografia Sacra

Por fim, a igreja de Megido nos revela que o uso de representações ou iconografia sacra era uma prática corrente entre os cristãos primitivos, a qual a Igreja Católica permanece fiel desde então, ao passo que as confissões protestantes a renegam sob a alegação de que são corrupções da doutrina introduzidas pelo paganismo.  Entre as varias representações encontradas pelas escavações em Megido, na mesa do altar encontra-se o mosaico de uma mulher com a seguinte inscrição : “Akeptus, uma amiga de Deus, ofereceu esta mesa a Deus, Jesus Cristo, como memorial. ” a mesa em questão pode ter sido usada para a celebracao eucaristia daquela comunidade.  (Leia mais em Ciência Confirma Igreja )

Anúncios

Sobre Hellen

Católica militante, expatriada, mãe e arquiteta e estudante de Direito. Quando há tempo, engajada na "missão" de defender a fé católica e evangelizar aos irmãos católicos, especialmente aqueles afastados da Santa Fé . I am an expat architect, law student and Catholic mommy who's taken on blogging. I've doing this for a few years now and I'm totally hooked up. All for the Glory of God!
Esse post foi publicado em Apologética Católica, Batismo Infantil, Idolatria & Santos, Tradição Católica e marcado , , , , . Guardar link permanente.

Uma resposta para Descoberta arqueológica confirma doutrinas e tradições católicas

  1. Ruben Leal disse:

    Essa é a ÚNICA Igreja! A Igreja que Jesus mesmo FUNDOU!!!!!!
    Glória a Vós, Senhor!!!!

    Curtir

Seja respeitoso. Não ataque o autor, debata sua idéia. Não use linguagem obscena, profana ou vulgar. Fique no tema do post. Comentários fora do tema original poderão ser excluídos.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s