Como responder três perguntas clássicas dos irmãos protestantes?


A Anunciação por Leonardo Da Vinci

Cedo ou tarde, todo católico é “desafiado” com aquelas clássicas perguntas que costumam nos fazer os protestantes devotos e engajados na missão de “evangelizar as nações” e converter aqueles em “erro”. Abaixo, adaptado de uma cartilha produzida pela editora Our Sunday Visitor, exponho algumas das perguntas mais frequentes, e suas respostas.

1- Você já está Salvo?

Os Católicos têm certeza, tanto quanto os protestantes, da Graça de Deus. O apóstolo João diz: “Escrevo-vos tudo isto para saberdes que tendes a vida eterna, vós que credes no nome do Filho de Deus.” 1 Jo 5,13 ( ver também Jo 5,24). Mas essa “garantia da salvação” dever ser entendida sob o pano de fundo de outros ensinamentos do apóstolo no mesmo livro: “Porque amar a Deus significa observar os seus mandamentos. E os seus mandamentos não são pesados.” 1 Jo 5,3 ( o grifo é meu –  ver também 1 Jo 2,3-6). “Nós sabemos que todo aquele que nasceu de Deus não peca…” 1 Jo 5,18. “quem ama a Deus, ame também o seu irmão.” 1 Jo 4,21. “Quem comete pecado pertence ao Diabo…” 1 Jo 3,8. Do mesmo modo, São Paulo não ensina que a salvação seja um único evento, mas um objetivo a ser buscado, um processo, um bem que pode ser perdido ou alcançado: “continuai a trabalhar com temor e tremor, para a vossa salvação.” Fil. 2,12 ( ver também 1 Cor 9,27, 10,12, Gal 5,1 e 4, Fil 3,11-14, 1 Tim. 4,1 e 5,11).

2- Se você morresse hoje, iria para o céu?

Esta pergunta, na verdade, é uma versão modificada da pergunta acima, uma vez que o Céu é a Salvação. Por isso,  devemos estar preparados para defender os ensinamentos católicos com base nas escrituras, pois de fato, a doutrina da Salvação da Santa Igreja é Bíblica e por isso, verdadeira. Os católicos têm a garantia da Salvação SE forem fiéis e cumprem os mandamentos de Deus (1 Jo 2,3). Portanto, se o católico morre nesse estado, recebe a certeza da Salvação. Porém, para entrar no Céu é preciso que sejamos perfeitamente santos, porque “Nela (a Jerusalém celestial) jamais entrará qualquer imundície, nem os que se entregam à abominação e à mentira. Vão entrar somente aqueles que têm o nome escrito no Livro da Vida do Cordeiro.”  Apoc. 21,27 ( ver também Is 4.4 e Mal 3,2-4). A “limpeza” e purificação de qualquer pecado remanescente, que por sua vez é o que nos faz dignos de entrarmos na presença de Deus, é o que a Igreja chama de purgatório. Este ensinamento é muito claro nos escritos de São Paulo: ” a obra de cada um aparecerá. O dia (do julgamento) demonstrá-lo-á. Será descoberto pelo fogo; o fogo provará o que vale o trabalho de cada um.14.Se a construção resistir, o construtor receberá a recompensa.15.Se pegar fogo, arcará com os danos. Ele será salvo, porém passando de alguma maneira através do fogo.” 1 Cor 3, 13-15 ( ênfase minha). “Porque teremos de comparecer diante do tribunal de Cristo. Ali cada um receberá o que mereceu, conforme o bem ou o mal que tiver feito enquanto estava no corpo.” 2 Cor 5,10

3- Por que vocês adoram à Virgem Maria?

Os católicos NÃO adoram à Virgem Maria. Nós a veneramos porque ela é a mãe de Deus Filho, nosso Senhor Jesus Cristo. Veneração é um culto completamente diferente da adoração dada à Deus. É honrar uma pessoa e não adorar ao Deus Todo-Poderoso, nosso Criador. Os Católicos creem que Maria é a criatura mais elevada dentre todas as criaturas de Deus por causa de seu papel exaltado pelo próprio Deus. Claro, como qualquer outro ser humano, Maria também teve que ser salva pela Misericórdia de Deus. Ela mesma disse isto: “meu espírito exulta de alegria em Deus, meu Salvador..” Lucas 1,47. Nós acreditamos, porém, que Deus salvou Maria justamente ao preservá-la da mancha do pecado original no momento de sua concepção ( Doutrina da Conceição Imaculada). Ainda, o fato de que o próprio Deus tenha encarnado e se tornado homem (Jo 1:1,14) indica que Ele desejava envolver  o homen, o ser humano, em Seus planos para a Salvação da Humanidade. Maria foi uma pessoa chave para esse propósito, por este motivo os Católicos são tão devotos a ela.

Anúncios

Sobre Hellen

Católica militante, expatriada, mãe e arquiteta e estudante de Direito. Quando há tempo, engajada na "missão" de defender a fé católica e evangelizar aos irmãos católicos, especialmente aqueles afastados da Santa Fé . I am an expat architect, law student and Catholic mommy who's taken on blogging. I've doing this for a few years now and I'm totally hooked up. All for the Glory of God!
Esse post foi publicado em Apologética Católica e marcado , , , , , . Guardar link permanente.

3 respostas para Como responder três perguntas clássicas dos irmãos protestantes?

  1. EDMILSON disse:

    NAÇÕES, POVOS E LÍNGUAS.

    Muito bem meus irmãos Católicos.
    Alguns hereges da desgraça protestante usam o fato de São João ter citado “Nações, Povos e Línguas” como mártires da grande tribulação contra a verdade do apocalipse onde diz claramente que a grande tribulação viria para cidade de Jerusalém e não para o globo terrestre inteiro, parece contradição, mas eu vou explicar:
    Apocalipse 7
    9. Depois disso, vi uma grande multidão que ninguém podia contar, de toda nação, tribo, povo e língua: conservavam-se em pé diante do trono e diante do Cordeiro, de vestes brancas e palmas na mão,
    Apocalipse 11
    9. Muitos dentre os povos, tribos, línguas e nações virão para vê-los por três dias e meio, e não permitirão que sejam sepultados.
    Apocalipse 14
    6. Vi, então, outro anjo que voava pelo meio do céu, tendo um evangelho eterno para anunciar aos habitantes da terra e a toda nação, tribo, língua e povo.
    Apocalipse 17
    15. O anjo me disse: As águas que viste, à beira das quais a Prostituta se assenta, sãopovos e multidões, nações e línguas.
    Bem, se as tribulações seriam apenas para a cidade de Jerusalém e Judá, por que São João cita (Nações, Povos e Línguas)? Simples, entre as tribulações Jesus Cristo cita vários sinais para que todos soubessem o momento em que elas viriam, vamos relembrar quais eram esses sinais:
    Lucas 21
    9. Quando ouvirdes falar de guerras e de tumultos, não vos assusteis; porque é necessário que isso aconteça primeiro, mas não virá logo o fim.
    11. Haverá grandes terremotos por várias partes, fomes e pestes, e aparecerãofenômenos espantosos no céu.
    1º) Terremotos:
    (Josefo narra: tremores de terra em Jerusalém, antes das tribulaçoes.)
    2º) Fome:
    (A bíblia narra: a Fome que sobreveio no reinado de Claudio.)
    3º) Peste:
    (Josefo também narra: a peste que sobreveio sobre Jerusalém junto das tribulaçoes.)
    4º) Rumores de guerra:
    (Josefo narra: os rumores de guerra entre, os Zelotas contra os Romanos)
    5º) Fenômenos nos céus:
    (Josefo narra: sobre a estrela em forma de espada, que ficou um ano no céu)
    Podemos observar nesses textos que Jesus Cristo profetiza uma serie de eventos como sinais para que todos tivessem a certeza de que as tribulações estavam ocorrendo, logicamente terminaria com seu marco central, que seria a destruição do templo e o sitio de Jerusalém, mas voltando ao assunto, nossos amigos hereges esqueceram que um desses sinais seria a perseguição Cristã no reinado de CEZAR NERO.
    Lucas 21
    12. Mas, antes de tudo isso, vos lançarão as mãos e vos perseguirão, entregando-vos às sinagogas e aos cárceres, levando-vos à presença dos reis e dos governadores, por causa de mim.
    13. Isto vos acontecerá para que vos sirva de testemunho.
    14. Gravai bem no vosso espírito de não preparar vossa defesa,
    15. porque eu vos darei uma palavra cheia de sabedoria, à qual não poderão resistir nem contradizer os vossos adversários.
    16. Sereis entregues até por vossos pais, vossos irmãos, vossos parentes e vossos amigos, e matarão muitos de vós.
    17. Sereis odiados por todos por causa do meu nome.
    18. Entretanto, não se perderá um só cabelo da vossa cabeça.
    19. É pela vossa constância que alcançareis a vossa salvação.
    Gostaria que os nossos amigos hereges deixassem de lado o vinho da desgraça protestante e trocasse pela eucaristia, assim teriam toda a sabedoria do mundo para entender que Jesus estava profetizando o reinado de CEZAR NERO, vejam que ele diz “Mas, antes de tudo isso”, esse (antes) significa que antes da destruição do templo ocorreria uma cruel perseguição Cristã, se nossos amigos hereges não sabem, no reinado de CEZAR NERO havia Cristãos em toda a Ásia, Grécia, norte da África, Roma e vários países da Europa como Espanha é só usar um pouco de sabedoria para entender que vários Cristãos morreram durante essa perseguição que aconteceu antes da destruição do templo, entre esses Cristãos que morreram alguns eram Hebreus e muitos eram Gentílicos de vários lugares do mundo, por isso que São João ao descrever esse período de perseguições e martírios contra os Cristãos cita; “Nações, Povos e Línguas” fato profetizado e cumprido com aquela geração antes da destruição do templo e durante a grande tribulação.
    Para não ficar nenhuma dúvida colocarei fatos históricos de como aconteceu essa perseguição Cristã por parte do então imperador CEZAR NERO (666).
    Documentário:
    “Apesar de todos os esforços humanos, da liberalidade do imperador e dos sacrifícios oferecidos aos deuses, nada bastava para apartar as suspeitas nem para destruir a crença de que o fogo havia sido ordenado. Portanto para destruir esse rumor, Nero fez aparecer como culpados os cristãos, uma gente odiada por todos por suas abominações, e os castigou com mui refinada crueldade. Cristo a quem tomam o nome, foi executado por Pôncio Pilatos durante o reinado de Tibério. Detida por um instante essa superstição daninha pareceu de novo, não somente na Judéia, onde estava a raiz do mal, mas também em Roma, esse lugar onde se narra e encontram seguidores de todas as coisas atrozes e abomináveis que chegam desde todos os rincões do mundo. Portanto, primeiro foram presos os que confessaram (ser cristão), e baseada nas provas que eles deram foi condenada uma grande multidão, ainda que não os condenaram tanto pelo incêndio mas sim pelo seu ódio à raça humana”
    Fonte: (TÁCITO, Anais, 15:44).
    “Além de matá-los (aos cristãos) fê-los servir de diversão ao público. Vestiu-os em peles de animais para que os cachorros os matassem a dentadas. Outros foram crucificados. E a outros acendei-lhes fogo ao cair da noite, para que a iluminassem. Nero fez que se abrissem seus jardins para esta exibição, e no circo ele mesmo ofereceu um espetáculo, pois se misturava com as multidões, disfarçado de condutor de carruagem, ou dava voltas em sua carruagem. Tudo isso fez com que despertasse a misericórdia do povo, mesmo contra essas pessoas que mereciam castigo exemplar, pois via-se que eles não eram destruídos para o bem público, mas para satisfazer a crueldade de uma pessoa”
    Fonte: (TÁCITO, Anais 15:44)
    “Vemos que esse historiador pagão, sem mostrar simpatia alguma com pelos cristãos, dá a entender que o castigo era excessivo, ou ao menos que a perseguição teve lugar, não em prol da justiça, mas por capricho do imperador. Além disso, nestas linhas temos uma descrição, escrita por uma pessoa que não foi cristã, das torturas a que foram submetidos aqueles mártires.”
    O texto acima faz parte do livro, do conceituado historiador, Justo Gonzalez, “A Era dos Mártires”, pp. 52 – 57.
    Bem meus irmãos, entender o apocalipse não é difícil se juntarmos as escrituras sagradas com as historias documentadas, assim chegamos a sua conclusão, pena mesmo que nossos amigos rebelados deixaram toda a verdade de lado para ficar enganando pessoas humildes com suas esquizofrenias, se os protestantes tinham ainda alguma dúvida sobre o porquê São João cita“Nações, Povos e Línguas” creio eu que lendo essa matéria não ficará mais nenhuma dúvida sobre esse assunto, São João só estava descrevendo o que Jesus Cristo mesmo Profetizou(durante a grande tribulação que viria sobre a cidade de Jerusalém, antes da destruição do templo os Cristãos de todos os lugares sofreriam uma Cruel perseguição) isso ocorreu por volta de 64 DC no reinado do imperador CEZAR NERO, essa perseguição Cristã teve uma retomada após destruição do templo com o oitavo Rei que era Dominiciano, mas isso será assunto para outro tópico.
    É impressionante como tudo se cumpriu diretinho exatamente como Jesus Cristo profetizou.
    Terremotos antes das tribulações.
    Fome no reinado de Claudio.
    Peste durante o cerco de Jerusalém.
    Fenômenos nos céus antes da destruição do templo.
    A perseguição aos Cristãos durante o reinado de Nero.
    Os rumores de guerras entre os Zelotas e o império Romano.
    E toda a tribulação ocorreria com aquela geração apenas.
    Pena que os hereges da desgraça protestante são obrigados a blasfemar contra Jesus Cristo, acreditando que ele era um mentiroso e que as tribulações não se cumpririam com aquela geração. Durma com um barulho desses!
    E mais uma vez a mentira acaba.
    Mateus 24
    34. Em verdade vos declaro: não passará esta geração antes que tudo isto aconteça.

    Curtir

  2. EDMILSON disse:

    GUERRAS, FOME E FENÔMENOS NO CÉU.

    Mateus 24
    4. Respondeu-lhes Jesus: Cuidai que ninguém vos seduza.
    5. Muitos virão em meu nome, dizendo: Sou eu o Cristo. E seduzirão a muitos.
    6. Ouvireis falar de guerras e de rumores de guerra. Atenção: que isso não vos perturbe, porque é preciso que isso aconteça. Mas ainda não será o fim.
    7. Levantar-se-á nação contra nação, reino contra reino, e haverá fome, peste e grandes desgraças em diversos lugares.
    8. Tudo isto será apenas o início das dores.
    Marcos 13
    5. Jesus pôs-se então a dizer-lhes: Cuidai que ninguém vos engane.
    6. Muitos virão em meu nome, dizendo: Sou eu. E seduzirão a muitos.
    7. Quando ouvirdes falar de guerras e de rumores de guerra, não temais; porque é necessário que estas coisas aconteçam, mas não será ainda o fim.
    8. Levantar-se-ão nação contra nação e reino contra reino; e haverá terremotos em diversos lugares, e fome. Isto será o princípio das dores.
    Lucas 21
    8. Jesus respondeu: Vede que não sejais enganados. Muitos virão em meu nome, dizendo: Sou eu; e ainda: O tempo está próximo. Não sigais após eles.
    9. Quando ouvirdes falar de guerras e de tumultos, não vos assusteis; porque é necessário que isso aconteça primeiro, mas não virá logo o fim.
    10. Disse-lhes também: Levantar-se-ão nação contra nação e reino contra reino.
    11. Haverá grandes terremotos por várias partes, fomes e pestes, e aparecerão fenômenos espantosos no céu.
    Bom, percebam que nos (3) Evangelhos relatam uma serie de acontecimentos, entre esses acontecimentos os (3) Evangelistas afirmam que entre essas tribulações ocorreriam “guerras, terremotos, fome, peste e fenômenos no céus”. Nesse tópico eu vou provar a todos que no século I ocorreram todos esses relatos Profetizados por Jesus Cristo.
    As guerras:
    Bem meus irmãos, essas tais guerras e rumores de guerras citados por Jesus Cristo, foram Profecias feitas apenas para cidade de Jerusalém e não para o MUNDO todo como nossos rebelados pregam é só ler a própria Bíblia que ela mesma se explica sobre esses fatos.
    Lucas 19
    41. Aproximando-se ainda mais, Jesus contemplou Jerusalém e chorou sobre ela, dizendo:
    42. Oh! Se também tu, ao menos neste dia que te é dado, conhecesses o que te pode trazer a paz!… Mas não, isso está oculto aos teus olhos.
    43. Virão sobre ti dias em que os teus inimigos te cercarão de trincheiras, te sitiarão e te apertarão de todos os lados;
    44. destruir-te-ão a ti e a teus filhos que estiverem dentro de ti, e não deixarão em ti pedra sobre pedra, porque não conheceste o tempo em que foste visitada.
    Segundo Jesus Cristo Jerusalém seria sitiada e sofreria com uma guerra, essa mesma Profecia ele relata em (Lucas 21) ao descrever as tribulações de Apocalipse, nesse texto ele diz que as tribulações e essas guerras foram prometidas para a cidade de Jerusalém apenas e não para o mundo todo.
    Lucas 21
    20. Quando virdes que Jerusalém foi sitiada por exércitos, então sabereis que está próxima a sua ruína.
    21. Os que então se acharem na Judéia fujam para os montes; os que estiverem dentro da cidade retirem-se; os que estiverem nos campos não entrem na cidade.
    Quem prega que as tribulações de Apocalipse são para o mundo todo não passa de um grande herege que contraria sua única fonte de fé que é a Bíblia Sagrada, mas vamos ver mais uma Profecia sobre esse assunto, agora no (AT) e relatos de Flavio Josefo em seu livro.
    Daniel 9
    26. depois dessas sessenta e duas semanas, um ungido será suprimido, e ninguém (será) a favor dele. A cidade e o santuário serão destruídos pelo povo de um chefe que virá. Seu fim (chegará) com uma invasão, e até o fim haverá guerra e devastação decretada.
    Ezequiel 7
    1. A palavra do Senhor foi-me dirigida nestes termos:
    2. filho do homem, oráculo do Senhor à terra de Israel: eis o fim. O fim vem para todos os quatro cantos da terra.
    24. Farei vir também os mais bárbaros pagãos, que se apoderarão de todas as casas;porei termo ao orgulho dos poderosos, e os lugares santos serão profanados.
    25. É a ruína que está chegando. Procurar-se-á salvação, sem que se possa encontrá-la.
    Será que todos os Profetas estão errados e nossos hereges rebelados estão certos?
    Vamos colocar agora os relatos históricos.
    Relatos de Flavio josefo em seu livro(capitulo 31 parágrafo 476 Sexto livro)
    “Relatarei aqui alguns desses sinais e dessas predições.
    Um cometa, que tinha a forma de uma espada, apareceu sobre
    Jerusalém, durante um ano inteiro.
    Antes de começar a guerra, o povo reunira-se, a oito de abril, para a festa
    da Páscoa, e pelas nove horas da noite viu-se durante uma hora e meia em
    redor do altar e do Templo, uma luz tão forte que se teria pensado que era dia.
    Os ignorantes tiveram-na como um bom augúrio, mas os instruídos e sensatos,
    conhecedores das coisas santas”
    Bem meus irmãos Católicos, mais uma vez o Cris Macabeus odiado por alguns protestante prova Biblicamente e historicamente o que está afirmando.
    Terremotos:
    Atos 16
    25. Pela meia-noite, Paulo e Silas rezavam e cantavam um hino a Deus, e os prisioneiros os escutavam.
    26. Subitamente, sentiu-se um terremoto tão grande que se abalaram até os fundamentos do cárcere. Abriram-se logo todas as portas e soltaram-se as algemas de todos.
    Bem, faz 500 anos que os hereges rebelados pregam o fim do mundo por que acontecem terremotos em alguns lugares no mundo, bom eles podem ficar mais de 10 mil anos pregando isso e não será o fim do mundo, pois os terremotos profetizados por Jesus Cristo obrigatoriamente deveriam ocorrer naquela geração com aquela situação; É lógico que com o aumento demográfico e com a globalização da informática hoje se tem noticias de catástrofes na hora, acontece um terremoto na Ásia e no mesmo momento todos nós já estamos sabendo, mas no século I não era assim, na época não se existia televisão e nem computador as noticias demoravam séculos para circular ao mundo, isso quando não se perdiam pelo caminho, mas a historia e a geografia estão ai para nos mostrar que esses terremotos ocorreram na Ásia menor com aquela geração dando sinais de que as tribulações estavam ocorrendo ou iriam acontecer em Jerusalém.
    Vamos começar mostrando que em algumas comunidades no qual São João cita como Igrejas da Ásia, passaram por tais terremotos.
    Tiatira
    Tiatira era um centro comercial na Ásia Menor (moderna Turquia). Estava localizada num fértil vale no qual passavam rotas de comércio. Embora destruída por um terremoto durante o reino de César Augusto (27 a.C.-d.C. 14), Tiatira foi reconstruída com a ajuda Romana. Produtos têxteis eram os mais importantes em Tiatira . Uma das comerciantes de roupas da cidade era uma mulher chamada Lídia, que conduzia negócios em lugares distantes como Filipos. Igreja ativa nos trabalhos sociais, caridosa (amorosa), consistente na fé e na paciência, porém toleravam a idolatria e a prostituição a outros deuses, ato abominado por Deus, sendo essas atitudes semelhantes a atitude de Jezabel, uma mulher citada no Antigo Testamento que é aplicada apenas como referência para os cristãos em Tiatira, pois ela foi morta desde os dias de Elias. Sendo Jezabel apenas um adjetivo. Deus queria que a igreja se tornasse intolerante a esse tipo de atitude.
    Filadélfia
    Filadélfia fica num vale aos pés de um platô montanhoso. A parte de baixo e escuro. Os reis de Pérgamo fundaram Filadélfia como um posto avançado do seu Reino no segundo século a.C. A cidade estava localizada ao longo de uma importante estrada de viagem que ligava Pérgamo ao norte com Laodicéia ao sul. Nos tempos do novo testamento, Filadélfia fazia parte da província Romana da Ásia. A cidade foi devastada por um terremoto em 17 d.C. e por um tempo as pessoas viveram com medo de tremores. Filadélfia foi reconstruída com ajuda do imperador Tibério. O nome Filadélfia significa amor fraternal.
    Laodicéia
    Laodicéia fica no principal cruzamento de estradas dos vales da Ásia Menor, no que é hoje a Turquia. A cidade estava situada numa montanha que dava para um vale fértil e majestosas montanhas. Nos tempos romanos, a cidade era um importante centro de administração e comércio. As questões de justiça da região eram ouvidas em Laodicéia e fundos eram depositados nos bancos da cidade para segurança. Embora danificada por terremotosdurante o reino de Augusto (27 a.C. – 14 d.C.) e novamente em 60 d.C, a cidade continuou reconstruindo e prosperando. Por fim temos uma advertência: se perdermos a simplicidade com relação ao Nome e à Palavra, poderemos cair na condição de Laodicéia, que se achava rica e abastada, pois o Senhor precisa bater para entrar novamente, por estar com a porta fechada.
    Entre essas sete igrejas, cinco delas o Senhor adverte para que se arrependam de sua condição, mas Esmirna e Filadélfia não possuem tal advertência, pois são igrejas que se arrependem.
    Bom, vejam que terremotos ocorreram no século I também, mas esses citados ais, não ocorreram durantes o sitio de Jerusalém e a destruição do templo, eles ocorreram antes, mesmo assim durante as décadas em que são João descreveu o apocalipse, que eram profecias para época, também ocorreram tais fatos. Uma das maiores catástrofes que ocorreram no mundo, aconteceu na cidade italiana de Pompéia:
    História
    Pompéia foi outrora uma cidade do Império Romano situada a 22 quilômetros da cidade de Nápoles, na Itália, no território do atual município de Pompéia. A antiga cidade foi destruída durante uma grande erupção do vulcão Vesúvio em 24 de agosto do ano 79 d.C. A erupção do vulcão provocou uma intensa chuva de cinzas que sepultou completamente a cidade, que se manteve oculta por 1600 anos antes de ser reencontrada por acaso. Cinzas e lama moldaram os corpos das vítimas, permitindo que fossem encontradas do modo exato em que foram atingidas pela erupção do Vesúvio. Desde então, as escavações proporcionaram um sítio arqueológico extraordinário, que possibilita uma visão detalhada na vida de uma cidade dos tempos da RomaAntiga.
    Interessante meus amigos, isso ocorreu alguns anos depois que o Templo foi destruído por TITO que na época era general de seu pai o Imperador VESPASIANO, o mais impressionante é que TITO comandou a destruição do Templo de Jerusalém no ano 70 a 72 D.C, nessa época ele era general e em 79 D.C o mesmo TITO se tornaria imperador romano no lugar de seu pai VESPASIANO, ano 79 D.C que ocorreu essa desgraça em Pompéia como sinal das revelações de Apocalipse.
    Bom para terminar essa matéria sobre os terremotos de Apocalipse, eu vou aqui colocar novamente os relatos de Flavio Josefo que foi testemunha ocular da época.
    Relatos de Flavio josefo em seu livro(capitulo 17 parágrafo 316 quarto livro)
    “Na noite seguinte, sobreveio uma horrível tempestade: a violência do
    vento, a impetuosidade da chuva, a quantidade de relâmpagos, o ribombar horrível
    do trovão, e um tremor de terra, acompanhado de rugidos, perturbou de
    tal modo a ordem da natureza, que todos julgaram presságio de grandes
    desgraças.
    Os habitantes de Jerusalém e os idumeus eram, a esse respeito, da
    mesma opinião. Estes últimos acreditavam que Deus estava encolerizado, por
    eles terem tomado as armas; julgavam não poder evitar o castigo, se
    continuassem a fazer a guerra à sua capital. Anano e os do seu partido estavam
    persuadidos de que Deus declarando-se daquele modo em seu favor, eles
    seriam vencedores, sem combater. Mas os fatos demonstraram que uns e
    outros se enganavam.”
    Bem mais uma vez eu provo que as tribulações ocorreram no século I com aquela geração assim como Jesus Cristo Profetizou, protestantes Jesus Cristo não era mentiroso.
    Fome e peste:
    Meus caros irmãos Católicos, a fome e a peste são fatos que ocorrem na historia da humanidade desde que o mundo é mundo, até os dias de hoje, irei citar aqui alguns fatos; durante a vida de Jacó e seus filhos existiu grande fome no mundo onde só no Egito existiam alimentos por causa da saberia e administração de JOSÉ, durante a era medieval a Europa passou por um surto de peste chamada peste negra onde morreram uma grande parte da população Européia, mas a fome e a peste profetizadas por Jesus Cristo viriam naquela geração junto com as guerras, então se as guerras e a destruição do Templo aconteceram no século I essa fome e essa peste também aconteceriam em Jerusalém no século I, eu provarei Biblicamente e historicamente que a FOME E A PESTE ocorreram em Jerusalém com aquela geração no século I.
    O primeiro relato da fome em Jerusalém ocorreu durante o reinado de Cláudio.
    Atos 11
    27. Por aqueles dias desceram alguns profetas de Jerusalém a Antioquia.
    28. Um deles, chamado Ágabo, levantou-se e deu a entender pelo Espírito que haveria uma grande fome em toda a terra. Esta, com efeito, veio no reinado de Cláudio.
    29. Os discípulos resolveram, cada um conforme as suas posses, enviar socorro aos irmãos da Judéia.
    Meus irmãos, vejam vocês mesmo que essa Profecia se cumpriu naquela época, mas mesmo assim vamos ver os fatos históricos relatados por Flavio Josefo testemunha ocular da época durante o sitio de Jerusalém.
    Relatos de Flavio josefo em seu livro(capitulo 10 sessão 3 quinto livro)
    “É então um caso miserável, uma visão que até poria lágrimas em nossos olhos, como os homens agüentaram quanto ao seu alimento … a fome foi demasiado dura para todas as outras paixões… a tal ponto que os filhos arrancavam os próprios bocados que seus pais estavam comendo de suas próprias bocas, e o que mais dava pena, assim também faziam as mães quanto a seus filhinhos… quando viam alguma casa fechada, isto era para eles sinal de que as pessoas que estavam dentro tinham conseguido alguma comida, e então eles arrombavam as portas e corriam para dentro… os velhos, que seguravam bem sua comida eram espancados, e se as mulheres escondiam o que tinham dentro de suas mãos, seu cabelo era arrancado por fazerem isso…”
    Relatos de Flavio josefo em seu livro(capitulo 45 parágrafo 498 sexto livro)
    “Foram feitos prisioneiros durante esta guerra noventa e sete mil
    homens e o assédio de Jerusalém custou a vida a um milhão e cem mil
    homens, dos quais a maior parte, embora judeus de nascimento, não eram
    nascidos na judéia, mas lá se encontravam de todas as províncias para festejar
    a Páscoa e haviam ficado presos na cidade por causa da guerra. Como não
    havia lugar para acomodá-los a todos, sobreveio a peste e logo em seguida a
    carestia. Pode-se julgar que era difícil que aquela cidade, sendo tão grande,
    estivesse de tal modo povoada, que não havia lugar para tanta gente,”
    Relatos de Flavio josefo em seu livro(capitulo 46 parágrafo 499 sexto livro)
    “Parece, pelo que acabo de dizer, que nenhum acidente humano, nem
    flagelo algum mandado por Deus, jamais causaram a ruína de um tão grande
    número de pessoas, como o dos que pereceram pela peste, pela fome, pelas
    armas e pelo fogo, durante esse cerco, ou que foram levados como escravos
    pelos romanos.”
    Meus irmãos Católicos, será que a Bíblia Sagrada, a testemunha ocular Flavio Josefo estão todos errados e o hereges protestantes estão certos dizendo que a fome e a peste não ocorreram com aquela geração dentro da cidade de Jerusalém?
    E assim acaba mais uma mentira.
    Fenômenos nos céus:
    Esse sim é um assunto critico para os nossos rebelados, pois São Lucas narra esse acontecimento em seu Evangelho (durante as tribulações aconteceriam fenômenos no céu). Mas que fenômenos são esses?
    Bem, eu vou mostrar para vocês historicamente quais são esses fenômenos relatados por São Lucas.
    Vamos ler atenciosamente o que narraram algumas testemunhas oculares em Roma, também Flavio Josefo em seus livros, lembrando que esse Judeu escreveu apenas o que ele viveu e presenciou, em nenhum momento ele descreve algo que ele não tenha sido testemunha ocular, da mesma foram forma os relatos em Roma.

    41 D.C
    “Nesse ano o imperador Cláudio, que durante a época do seu consulado já haviaobservado no céu a presença de três sóis, sobe ao poder onde permanecerá até o ano 54 d.C. Durante o período do seu reinado, segundo relata o (filósofo Sêneca) na sua obra Questões Naturais, um cometa procedente do norte se elevou do horizonte para logo rumar em direção leste”.
    60 D.C
    “Julius Obsequens refere que um (escudo ardente) acompanhado de um grande feixe de luz, foi visto por vários cidadãos de Roma. Referindo-se também a este ano, o (filósofo Sêneca) escreve: ” … Temos podido contemplar durante seis meses este cometa que apareceu no feliz reinado do divino imperador Nero.”
    71 D.C
    “De acordo com o relato de(Lycosthenes), nesse período foram vistos na Itália dois sóis ao mesmo tempo no céu, sendo de leste a oeste, sendo que um ficou mais fraco e pálido e o outro mais brilhante e poderoso.”
    Relatos de Flavio josefo em seu livro(capitulo 31 parágrafo 476 Sexto livro)
    “Relatarei aqui alguns desses sinais e dessas predições.
    Um cometa, que tinha a forma de uma espada, apareceu sobre
    Jerusalém, durante um ano inteiro.
    Antes de começar a guerra, o povo reunira-se, a oito de abril, para a festa
    da Páscoa, e pelas nove horas da noite viu-se durante uma hora e meia em
    redor do altar e do Templo, uma luz tão forte que se teria pensado que era dia.
    Os ignorantes tiveram-na como um bom augúrio, mas os instruídos e sensatos,
    conhecedores das coisas santas, consideraram-na como um presságio do que
    depois sucedeu.
    Durante essa mesma festa uma vaca que era levada para ser sacrificada
    deu à luz um cordeiro no meio do Templo.
    Pelas seis horas da tarde a porta do Templo que está do lado do oriente,
    que é de bronze e tão pesada que vinte homens mal a podem empurrar, abriu se
    sozinha, embora estivesse fechada com enormes fechaduras, barras de ferro
    e ferrolhos, que penetravam bem fundo no chão, feito de uma só pedra. Os
    guardas do Templo avisaram imediatamente o magistrado do que acontecera e
    lhe foi bem difícil tornar a fechá-la. Os ignorantes interpretaram-no ainda como
    um bom sinal, dizendo que Deus abria em seu favor suas mãos liberais, para
    cobri-los de toda sorte de bens. Porém, os mais sensatos julgaram o contrário,
    isto é, que o Templo destruir-se-ia por si mesmo e que a abertura de sua porta
    era presságio, o mais favorável, que os romanos pudessem desejar.
    Um pouco depois da festa, a vinte e sete de maio aconteceu uma coisa que
    eu temeria relatar, de medo que a tomassem por uma fábula, se pessoas que
    também a viram, ainda não estivessem vivas e se as desgraças que se lhe
    seguiram não tivessem confirmado a sua veracidade. Antes do nascer do sol
    viram-sé no ar, em toda aquela região, carros cheios de homens armados,
    atravessar as nuvens e espalharem-se pelas cidades, como para cercá-las.
    No dia da festa de Pentecostes, os sacerdotes estando à noite, no Templo
    interior, para o divino serviço, ouviram um ruído e logo em seguida uma voz
    que repetiu várias vezes: Saiamos daqui!”
    Será que depois desses relatos algum herege será capaz de dizer que eu estou mentindo? Melhor ainda, alguém já leu essa frase no ultimo parágrafo (SAIAMOS DAQUI)? Vou dar uma dica:
    Apocalipse 18
    4. Ouvi outra voz do céu que dizia: Meu povo, sai de seu meio para que não participes de seus pecados e não tenhas parte nas suas pragas.
    E mais uma vez a mentira acaba.

    Mateus 24
    34. Em verdade vos declaro: não passará esta geração antes que tudo isto aconteça.

    Curtir

  3. A.Silva disse:

    Sobre a hipocrisia evangélica proponho um texto:

    OS EVANGÉLICOS FINGINDO QUE NÃO VIRAM

    Todo e qualquer pessoa pode interpretar a Biblia ?
    A própria Bíblia proíbe a interpretação privada. Foi o que disse Pedro.
    Devemos escolher apenas o que desejamos seguir na Bíblia e rejeitar o que não gostamos, ou, devemos aceitar a Bíblia por inteira ???
    Mas digamos que todos pudessem faze-lo. Façamos como os protestantes e evangélicos e ignoremos a proíbição bíblica para a livre interpretação.
    Digamos que a tese protestantes está correta. Todo e qualquer homem com a “assistência” do Espírito Santo pode ler e interpretar a Bíblia.
    Assim, perguntamos:
    Quem está certo ??? Os pregadores da prosperidade que são “assistidos” pelo Espírito Santo ou os seus opositores que também são “assistidos” pelo Espírito Santo ?
    Quem está certo ??? O pregador do Aborto, o “abençoado” e idolatrado Macedo que, se diz inspirado pelo Espírito Santo ou todos aqueles que lhe condenam e que também se dizem inspirados pelo Espírito Santo ???
    Quem está certo ??? O pregador do aborto que, devidamente “assistido” pelo Espírito Santo chamou de endemoníados os cantores evangélicos ou estariam certos os cantores chamados por tal pregador de endomoníados que, também “assistidos” pelo Espírito Santo disseram que tal pregador está desesperado com a fuga de fiéis de sua denominação ?
    Quem está certo ??? Calvino que dizendo-se inspirado pelo Espírito Santo chamou de ignorantes e loucos que abusam das escrituras todos aqueles que atribuíram irmãos carnais a Jesus, ou, estariam certos os atuais seguidores de Calvino que, contrariando o mestre, mas dizendo-se “inspirados” pelo Espírito Santo consideram que Maria e José tiveram outros filhos carnais ???
    Quem está certo ??? Marinho Lutero que “assistido” pelo Espírito Santo batizava crianças, ou, os evangélicos que, dizendo-se inspirados pelo Espírito Santo, dizem que não se deve batizar crianças ???
    Quem está certo ??? Marinho Lutero que, dizendo-se inspirado pelo Espírito Santo exclamou:
    “Meu DEUS o que eu fiz ? Um dia serão tantas seitas que nem poderemos contar. Cada cabeça será uma igreja”
    Ou certos estariam os evangélicos que dizem que todos podem interpretar a Bíblia ???
    E se todos são inspirados pelo Espírito Santo, por que apenas os católicos não podem “interpretar” a Bíblia ??? Onde está a proíbição bíblica para a interpretação católica e onde está permissão bíblica para que toda e qualquer seita protestante possa interpretar a Bíblia a seu bel prazer ?
    Uma grande denominação brasileira propagou por anos que João Paulo II era a besta do apocalipse. Como se sabe, o pontífice morreu e nunca foi a besta do apocalipse. Tal denominação que está entre as maiores do país, dizia-se inspirada pelo Espírito Santo e repleta de “profetas”.
    Pergunta-se: Quem está errado ? A denominação que nunca esteve inspirada pelo Espírito Santo, portanto, a tese do livre exame é falha, ou, o próprio Espírito Santo enganou-se e passou aos ditos “profetas” informação errada ?
    Ou ainda, o crente que sabe deste descalabro e reconhece a falsa profecia, hipocritamente, finge que tudo está bem e que tais “profetas” e tal denominação ainda merecem crédito ?
    Eu gostaria de respostas objetivas e certeiras. E bíblicas. Nada de rodeios ou citações de versículos fora do contexto. Sem aquela costumeira embromação de pastor.
    Todo protestante diz que não há um só homem infalível em matéria de fé e doutrina. Está correto isto ?
    Se não há um só homem infalível em matéria de fé e doutrina, por que pretende o protestante pregar para os demais se quem lhe escuta deve acreditar antes que não há um só homem confiável em matéria de fé e doutrina ?
    Ou será que cada protestante se considera infalível para si mesmo e condena a infalibilidade apenas nos demais ?

    Se por um lado a Bíblia é a palavra infalível de DEUS, as interpretações privadas, conforme tese protestante, são passíveis de falhas.Ou não ? Toda e qualquer interpretação protestante está certa ?

    Mas se todos são inspirados pelo Espírito Santo na leitura da Bíblia, por que alguém precisa de pastor ? Basta ler a Bíblia com a assistência do Espírito Santo e o próprio leitor e “interprete” chegará às mesmas conclusões.

    Se todos usam a mesma Bíblia e todos são inspirados pelo mesmo Espírito Santo, por que se dividem a cada dia mais em igrejas divergentes entre si ?

    Por que alguém precisa de igreja evangélica estando salvo e sendo assistido pelo Espírito Santo em sua leitura privada ?

    Imagine alguém que já está “salvo” e tem a assistência direta do Espírito Santo. Frequentar uma igreja e ouvir pregações de homens que não são infalíveis, teoricamente, pode comprometer a salvação do eleito. E se salvação obtida não pode ser perdida, então aí mesmo que Bíblia, igreja, pastor e dízimos não servem para nada. Afinal de contas, salvação garantida é salvação que não pode ser perdida faça o que fizer o crente. E se ao contrário, salvação pode ser perdida, por certo a igreja protestante ou evangélica é o local mais perigoso onde o crente salvo e inspirado terá que conviver com pessoas que cometem falhas.
    Me expliquem por favor a luz da Bíblia, já que o protestante grita em alto e bom som: “Só a Bíblia”. Autor: V.De Carvalho – Livre divulgação

    Curtir

Seja respeitoso. Não ataque o autor, debata sua idéia. Não use linguagem obscena, profana ou vulgar. Fique no tema do post. Comentários fora do tema original poderão ser excluídos.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s