Comunhão na mão: Faz-se necessária um mudança na Igreja (via Fratres in Unum.com)


É preocupante a falta ou pouca reverência demonstrada por muitos sacerdotes dos dias de hoje, e por conseguinte, dos fiéis por eles instruídos, no que toca a distribuição e o recebimento da Santa Eucaristia nas Igrejas brasileiras. Infelizmente, o catecismo da Igreja católica não proíbe o recebimento de Jesus Sacramentado nas mãos, mas indica que ele é opicional, e não a norma, como sugerem alguns padres:

” […] É evidente que respeito e carinho devem permanecer, sem cair em exageros (ênfase minha, aqui e adiante). Tudo indica que a melhor maneira de receber a sagrada Comunhão é que o comungante se mantenha em pé, com a mão aberta para acolher o Corpo do Senhor; porém, se preferir recebê-la na boca, que assim seja.” Pe. Humberto Robson de Carvalho

 

As afirmações acima suscintam uma pergunta: quem estabelece o que é um exagero? Além do mais, o recebimento da comunhão nas mãos claramente contradiz aquilo que o Santo Padre tem demonstrado através do seu exemplo, ou seja, das mãos dele só se recebe comunhão de joelhos e na boca. Sejamos fiéis ao exemplo da nosso Pontífice, que lidera a Igreja de Cristo não apenas através de ‘regras’ oficiais, mas principalmente pelo seu exemplo.

Receber o Santo Sacramento da Eucaristia, ou a Santa Comunhão como escreve Pe. Carvalho, na boca não é um ato apenas reverência ao Corpo de Cristo, mas uma demonstração de fé.

No que tange à Santa Comunhão, impera uma grande necessidade na Igreja. Um bispo auxiliar do Cazaquistão adverte os bispos alemães que não apenas se alegrem com a Comunhão na boca e de joelhos. Os pastores supremos precisam dissuadir de maneira ativa os fiéis de comungarem na mão. (Kreuz.net) No que tange à Santa Comunhão, impera uma grande necessidade na Igreja. Assim esclareceu o Bispo Auxiliar – descendente de alemães – de Karaganda, no Cazaquisão, Mons. Athanasius Schneider (48), em uma entrevista para o canal de … Read More

via Fratres in Unum.com

Anúncios

Sobre Hellen

Católica militante, expatriada, mãe e arquiteta e estudante de Direito. Quando há tempo, engajada na "missão" de defender a fé católica e evangelizar aos irmãos católicos, especialmente aqueles afastados da Santa Fé . I am an expat architect, law student and Catholic mommy who's taken on blogging. I've doing this for a few years now and I'm totally hooked up. All for the Glory of God!
Esse post foi publicado em Adoremus. Bookmark o link permanente.

5 respostas para Comunhão na mão: Faz-se necessária um mudança na Igreja (via Fratres in Unum.com)

  1. João disse:

    O pão não foi dado na boca:
    Lucas 22:19 – Tomando o pão, deu graças, partiu-o e o deu aos discípulos, dizendo: “Isto é o meu corpo dado em favor de vocês; façam isto em memória de mim”.

    Curtir

    • Helen disse:

      João
      Ja que este eh o seu argumento; apenas para efeito de debate, onde esta escrito em Lucas 22:19 que o pao foi dado nas maos?
      Porque vc presume que o tenha sido feito de modo x ou y? Nao esta claro no texto, portanto, esta passagem nao pode ser usada como prova do seu ponto de vista.

      Helen

      Curtir

      • João disse:

        Também Não está escrito em Lucas 22:19, ou em qualquer outra parte, que o pão foi dado na boca.

        Agora, cá pra nós: Você acha mesmo que Jesus deu o pão e o vinho na boca dos apóstolos?

        Eu respondo: Naquela época, o principal da mesa (a mesa era, geralmente, uma esteira sobre o chão), pegava o pão, partia em pedaços e entregava-os a cada membro; ou pegava o pão retirava um pedaço para si e repassava o restante para o mais próximo até que todos se servissem.

        Curtir

        • manueldacosta disse:

          Protestante sempre a protestar,

          Ele nem imaginam que a bíblia só pode ser interpretada pelo Magistério da Igreja

          Curtir

          • João disse:

            Isto talvez esteja escrito em qualquer documento da sua igreja, não na Bíblia. Jesus disse que os Profetas e as Profecias terminaram em João Batista. A Bíblia diz que qualquer coisa a mais ou a menos é anátema (maldito). Jesus disse que não veio para revogar (alterar), mas sim, cumprir as escrituras. Os escritos dos Apóstolos (depois de João Batista) retratam sobre Jesus e sobre o Antigo Testamento.
            Quando Jesus pregou, não consultou nem pediu autorização aos sacerdotes da igreja em Israel, ao contrário reprovou-os.
            Ele (Jesus) deixou bem claro que a Palavra de Deus era acessível a todos, principalmente aos pobres e desprovidos de conhecimentos, por que o entendimento seria dado pelo Espírito Santo (único consolador deixado por Jesus aos homens).

            Curtir

Seja respeitoso. Não ataque o autor, debata sua idéia. Não use linguagem obscena, profana ou vulgar. Fique no tema do post. Comentários fora do tema original poderão ser excluídos.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s